Browsing Tag

Cabelo

10 Dicas para um cabelo lindo na praia e piscina

O VERÃO já começa a despedir-se, mas ainda assim os dias restantes de exposição ao sol podem ser prejudiciais. A EXPOSIÇÃO EXCESSIVA AO SOL, A ÁGUA SALGADA OU AO CLORO PODEM DANIFICAR O CABELO. POR ISSO SÃO NECESSÁRIOS ALGUNS CUIDADOS BÁSICOS COM AS MADEIXAS ANTES DE APROVEITAR os maravilhosos e não tão abundantes dias de verão em Massachussets.

 

Alguns cuidados farão vocês desfrutarem os dias mais quentes do ano e ainda manterem os cabelos não apenas bonitos, mas também saudavelmente hidratados.

1- FAÇA UMA HIDRATAÇÃO PRÉ-PRAIA ou  PISCINA

Esse cuidado anterior vai blindar os fios contra qualquer tipo de agressão. Assim, faça uma boa hidratação com máscaras nutritivas e complexos hidradantes ricos em aminoácidos e óleos vegetais antes de curtir uma praia ou piscina.

2- MANTENHA O CABELO PROTEGIDO DIARIAMENTE

Antes de entrar na piscina ou no mar, aplique um produto sem enxágue (leave-in) e com proteção UV de sua preferência para formar uma película protetora nos fios. Essa dica vale para cabelos coloridos e naturais.

3- UMEDEÇA AS MADEIXAS COM ÁGUA DOCE

Nas idas e vindas da água, a maioria das pessoas esquecem de manter os cuidados com o cabelo. Sempre que sair do mar ou da piscina, jogue água doce/potável em todo comprimento para controlar a penetração do cloro e do sal nos fios. Ambas substâncias abrem as cutículas e deixam as madeixas mais sensíveis. Quanto menos contato com elas, menor será o dano capilar. Por isso, nada de deixar o cabelo secar com cloro e sal nos fios.

4- EVITE PENTEAR OS FIOS MOLHADOS

Cabelos úmidos são mais frágeis e quebram com facilidade. Em vez de passar o pente ou a escova, arrume as madeixas com a ajuda dos dedos.

5- PROTEJA-SE COM GUARDA-SOL, CHAPÉU OU BONÉ

Evite muita exposição do cabelo ao sol e aposte no chapéus e bonés que além de proteger suas madeixas, vão dar charme e estilo ao seu visual.

6- COQUE ALTO 

Uma boa dica é prender o cabelo ainda seco em um coque alto. Além de evitar o contato com a água, ainda protege boa parte da cabeleira dos raios solares, valoriza o estilo e mantém o cabelo lindo.

 

7- NUTRIÇÃO PÓS PRAIA

A dica aqui é investir na nutrição dos fios, utilizando produtos com ativos altamente hidratantes. Caso queira intensificar a ação do produto, troque o seu condicionador de sempre por uma máscara de reparação intensiva. Dessa forma, você vai restaurar a estrutura dos fios fragilizados e ainda formar uma película protetora que vai selar as cutículas prevenindo futuros danos.

8- EVITE USAR SECADOR E CHAPINHA

No verão, os cabelos já ficam expostos a fatores agressivos naturais como sol, vento, mar e piscina. Apenas isso já é suficiente para deixá-los mais sensíveis e propensos a quebras. A dica então é dar um tempo no secador e na chapinha e apostar em produtos como o leave-in, que atua como finalizar e ajuda a desembaraçar e hidratar as madeixas.

Se o uso do secador for muito necessário, a sugestão é que ele seja usado com o jato de ar a uma distância de 20 a 30 centímetros dos fios para evitar maiores danos. O uso de protetores térmicos antes do secador e da chapinha também são essenciais.

9- SE POSSÍVEL, LAVE O CABELO TODOS OS DIAS

Os resíduos de sal e cloro tornam as madeixas secas, pesadas e sem brilho. Para evitar o acúmulo desses resíduos, lave os cabelos todos os dias no verão.

10- ABUSE DE ALIMENTOS ANTIOXIDANTES

Antioxidantes orais como morango, uvas vermelhas e roxas, romã, limão, mamão e abacaxi evitam que a cutícula do cabelo se abra e exponha os fios a problemas como falta de maciez e ressecamento.
A dica é apostar em alimentos que sejam fonte de betacaroteno (cenoura), pigmento natural que atua para retardar o envelhecimento precoce e ajuda na proteção dos fios.

Curtir o calor pertinho do mar é uma das melhores coisas do verão, então proteja sua pele e seu cabelo sempre.

Viva o sol!!!  😎

Saiba Mais

Seja um Profisssional na Área

 

ÓLEO DE COCO: QUAIS SEUS BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE E BELEZA?

O Óleo de coco está em alta, não é mesmo? Vemos diariamente pessoas comentando sobre o assunto por todo lado.
E de fato, este ingrediente ajuda bastante em alguns aspectos da nossa alimentação, pele e cabelo. Mas, primeiro de tudo, devemos saber qual a melhor forma de usá-lo e quais seus benefícios.

Então vamos lá:
Primeiramente, produtos com a descrição ‘’ óleo de coco vegetal’ na embalagem costumam ser os melhores. São os mesmos utilizados para culinária, 100% puro, e sem adição de outros ingredientes na composição.

Pele e Cabelo

Podemos aplicar o óleo de coco em regiões mais secas da pele, como por exemplo, joelhos, mãos, cotovelos, calcanhares e rosto, deixando essas áreas super hidratadas e macias.
Mas cuidado: Se sua pele tende a ser oleosa, talvez aplicar o óleo nestas regiões não seja uma boa opção, principalmente no rosto. Isso poderia ocasionar as indesejáveis acnes.
Fonte de vitamina E, é fundamental para o fortalecimento dos cabelos e unhas, deixando essas áreas incrivelmente bonitas.
Se você quer ter seu cabelo hidratado todos os dias, aplique o óleo de coco regularmente – uma vez por semana ou até mais. Ele ajuda bastante a manter a hidratação dentro dos fios, fechando assim as cuticulas e evitando as terriveis pontas duplas.
Também pode-se aplicar o produto no couro cabeludo. Nesta região, ele vai agir como um controlador da oleosidade, auxiliando no crescimento saudável dos fios.

Óleo de Coco na alimentação:

O óleo de coco possui função anti-viral, isto é, quando ingerido frequentemente com outros alimentos, automaticamente sua imunidade aumenta. Além disso, ajuda pessoas que possuem intestino preso.
Também é um ótimo fator natural para aceleração do metabolismo e com isso gastamos mais calorias ao longo do dia. Sua sensação de saciedade ajuda a não exagerarmos em outras refeições, o que pode ajudar bastante quem faz dieta ou quem procura uma forma de vida saudável.
Consumindo o Óleo de Coco:
Costumo ingerir apenas uma colher de sopa, uma vez ao dia. Também é uma opção comê-lo com outras refeições, como saladas, torradas, frutas e até no café da manhã.

COMO CUIDAR DO CABELO E DA PELE NO INVERNO:

Quando o inverno chega para ficar, sabemos que os danos a nossa pele e cabelos vêm com tudo. Rosto queimado, mãos com pequenos machucados, boca “rachada” e cabelos secos tornam-se cada vez mais comuns.
E é por isso que não podemos deixar de nos cuidar durante esta época do ano.
Vou citar aqui, algumas dicas infalíveis para evitar o ressecamento contínuo da nossa pele e cabelos!

Acredite, Banhos e Ambientes MUITO quentes fazem mal:
É importante manter o ambiente aquecido em casa, mas não muito quente! Já ouviu falar naquele choque térmico? É quando você sai de uma temperatura muito baixa e entra em outra muito alta, causando irritação a pele, além de rompimento nos vasos capilares.
O mesmo vale para o banho: tomar banho muito quente causa queimaduras na pele. Além disso, à água quente contribui para que a oleosidade natural do cabelo e da pele sejam removidos. Por isso, a importância de usar hidratantes com bastante frequência, e hidratar o cabelo pelo menos de duas a três vezes por semana.

Não economize nas roupas:
Nunca deixe para traz um bom par de luvas e uma touca. As luvas ajudam a proteger as mãos contra o ar frio, que deixa nossa pele seca e escamosa. A touca, mantém o cabelo aquecido, e impede que o couro cabeludo sofra mais danos quando em contato com o ar gelado.

Troque o seu shampoo e condicionador:
Procure usar shampoos e condicionadores especializados em Reconstrução e Proteção capilar. Estes, costumam ter um poder de hidratação e proteção contra o ambiente frio maiores do que os comuns.

Proteja-se contra o vento frio:
O vento frio faz com que a umidade da pele seja evaporada mais rapidamente. Para evitar danos maiores, use hidratantes para peles muito ressecadas, especialmente antes de dormir e de sair de casa.
Lave o rosto com água morna, e evite esfoliantes para que a pele do rosto não fique ainda mais ressecada e danificada. Carregue sempre um hidratante para as mãos, principalmente se não tem o costume de usar luvas.
E não podemos esquecer da boca: é importante usar com frequência uma manteiga de cacau para os lábios. O poder de retenção de umidade que o cacau favorece, cria uma barreira de proteção entre os lábios e o ar frio, dando proteção extrema à área.

Manter uma alimentação balanceada também é importante:
Comer alimentos com bastante nutrientes e beber muita água, é uma das melhores formas de manter sua pele e seus cabelos saudáveis. Ter uma dieta ruim vai deixar seu corpo com ausência dos nutrientes necessários para a manutenção da pele e do cabelo.
Vitaminas C e E, Ferro e Biotina (vitamina do complexo B), são fundamentais para pele, cabelos e até mesmo para as unhas.

 

Hidratação: como e qual escolher?

Cabelos ressecados, quebradiços, frizzy e pontas duplas: o pesadelo de toda mulher!

Estamos sempre apostando em diferentes produtos e tratamentos para manter os cabelos lindos e saudáveis. Mas nem sempre temos sucesso.

Mudamos o corte, o penteado. Inventamos e reinventamos. Mas nada vai funcionar se o nosso cabelo continua ressecado. Ele perde o brilho, a cor e a maciez.

Mas, nem tudo está perdido. Suas tentativas de manter o seu cabelo lindo e sedoso pode ter haver com a hidratação escolhida para o seu tipo de cabelo: Dependendo do estado e da ocasião, uma hidratação não vai resolver o seu problema. Talvez, porque não é o que você está precisando no momento, ou não é compatível com o seu cabelo.

Conheça então, alguns tipos de hidratação e saiba qual atende a sua necessidade:

Hidratação tradicional:

Indicado para cabelos quebrados e desnutridos. Essas hidratações recuperam a maciez, a textura e a umidade dos fios, ajudando-os a crescer fortes e saudáveis. É aconselhável  fazer de 15 em 15 dias para manter as vitaminas que deixam o cabelo com aquela aparência viva.

Queratina:

Indicado para cabelos que sofreram descolorações e muita química, resultando naquele cabelo com pontas duplas e cheios de frizzy. O tratamento com queratina elimina o efeito “elástico” dos fios, recuperando o aspecto saudável do mesmo.

A frequência ideal para este tipo de hidratação é de pelo menos uma vez ao mês.

Reconstrução Capilar:

Adequado para cabelos com muita química e que vivem expostos ao calor do sol, ao cloro e sal. Este tipo de hidratação devolve os nutrientes ao cabelo, fortalecendo os fios novamente. O ideal é realizar este tratamento a cada dois meses, ou após o cabelo passar por um processo químico como tintura ou luzes.

Cauterização:

Para todos os tipos de cabelos, inclusive aqueles em que as pontas estão duras e com as cutículas bem apontadas. A cauterização vai eliminar as “escamas”, fechando as cutículas dos fios e devolvendo a maciez e o brilho ao couro cabeludo. O indicado é fazer este tratamento a cada 40 dias.

Estas são apenas algumas hidratações. Antes de escolher, procure sempre conversar com especialistas da área, para não investir em um tratamento que não lhe trará resultados.

No Instituto Flavia Leal de Everett, oferecemos diversas hidratações. A mais procurada é a “Keratriplex Treatment”, com produtos da linha Awapuhi by Paul Mitchell  – um tratamento que utiliza produtos para todos os tipos de cabelos: Com coloração, seco, com frizzy e quimicamente tratados.

As estudantes do Instituto Flavia Leal são instruidas e orientadas pelos professores, para realizar passo a passo o tratamento e utilizar os produtos adequados a sua necessidade.